Descubra o tratamento mais indicado para você em nosso TESTE ON-LINE

Bioestimuladores de Colágeno: O que São, Vantagens, Como Funciona, Saiba Tudo Aqui!!!

Ter uma pele firme, sem rugas ou flacidez é o desejo de muitas pessoas. Contudo, a ação do tempo aliado aos maus cuidados com a pele, faz com que surjam marcas de expressão. E também outros sinais que deixam o visual do rosto envelhecido. Para contornar isso, muitas pessoas estão aderindo aos bioestimuladores de colágeno, a mais nova tendência entre os procedimentos estéticos.

Quer saber mais detalhes sobre o assunto? Então continue sua leitura e descubra o que são, como funcionam e quais vantagens os bioestimuladores de colágeno podem oferecer. Confira!

Bioestimuladores de colágeno – O que é?

Bioestimuladores de colágeno são substâncias que são injetadas na pele com o objetivo de estimular a produção de colágeno. Estas substâncias possuem componentes idênticos ao que temos naturalmente em nossa pele. Por isso, dizemos que elas são biocompatíveis.

Além disso, os bioestimuladores também são facilmente absorvidos pelo organismo. Sendo assim, seus efeitos não prejudicam a saúde.

Como funciona o Bioestimulador de colágeno?

Basicamente, os bioestimuladores são injetados por meio de cânulas ou então microagulhas em determinadas camadas da pele. Sua ação ativa os fibroblastos, que são as células responsáveis por produzir o colágeno, promovendo uma sustentação maior à pele.

Os bioestimuladores de colágeno podem ser aplicados no rosto, ou então em outras partes do corpo, excetuando lábios e olhos. Entre os principais bioestimuladores de colágeno usados atualmente estão o radiesse e a sculptra.

O que é Radiesse?

Basicamente, o Radiesse é um bioestimulador composto por microesferas de hidroxiapatita de cálcio. Esta substância, quando aplicada na região subcutânea da pele, condiciona a produção de colágeno. Com isso, ela promove uma maior elasticidade e viço da pele, garantindo um efeito rejuvenescedor.

O que é Sculptra?

A Sculptra é outro bioestimulador composto por ácido poli-L-lático. Ao ser injetada, esta substância reestrutura a pele e os tecidos subjacentes. Dessa forma, ela evita a flacidez e perda da elasticidade. Além disso, a Sculptra também ajuda a corrigir a espessura, assim como remodelar o contorno corporal e da face.

Qual a diferença entre radiesse e o sculptra?

No geral, existem alguns pontos que diferenciam estes dois bioestimuladores de colágeno. Um deles é a composição.

O Sculptra é composto por ácido poli-L-lático, que gera uma resposta inflamatória natural para produção de colágeno. Enquanto isso, o Radiesse é constituído por microesferas de hidroxilapatita de cálcio, que não causa resposta inflamatória.

Além disso, a injeção de Radiesse pode gerar um desconforto maior no paciente em comparação ao Sculptra. A rapidez com que os resultados aparecem é outro ponto que diferencia estes dois bioestimuladores.

O Sculptra necessita de algumas semanas até um mês para que o resultado final seja alcançado. Enquanto isso o Radiesse fornece um resultado em menos tempo. Mas, vale lembrar que ambos os bioestimuladores não geram efeitos imediatos.

Faça agora mesmo nosso TESTE ONLINE GRÁTIS e descubra o melhor tratamento para o seu caso!

Vantagens do tratamento com Bioestimuladores de colágeno

O tratamento com bioestimuladores de colágeno é capaz de oferecer diversos benefícios. Entre os principais, podemos citar:

  • Redução das rugas
  • Correção de cicatrizes na pele
  • Proporciona maior sustentação, firmeza e viço à pele
  • Diminui celulite
  • Reduz a flacidez
  • Suaviza linhas de expressão

Indicações dos Bioestimuladores de colágeno

Os bioestimuladores de colágeno são indicados para que deseja tratar a flacidez da pele e definir o contorno facial. Este tratamento também serve para melhorar a qualidade e espessura da pele, bem como atenuar celulites, estrias e cicatrizes.

Este procedimento também serve como método preventivo indicado para pacientes com idade a partir de 25 anos.

Contraindicações

Existem alguns casos onde não se indica a aplicação de bioestimuladores de colágenos. São eles:

  • Pacientes com doenças autoimunes
  • Presença de inflamação ou então infecção no local da aplicação
  • Gestantes ou mulheres que estejam amamentando
  • Pacientes com doenças do colágeno

Qual a duração do efeito do Bioestimulador de Colágeno?

Basicamente, o tempo de duração do efeito do bioestimulador de colágeno vai depender da capacidade do organismo na produção de colágeno. Mas, no geral, já é possível observa uma melhora na qualidade da pele já nas primeiras sessões.

Além disso, o efeito deste tratamento costuma ser bastante duradouro, sendo que as manutenções devem ser feitas a cada 18 meses.

A partir de qual idade aplicar o Bioestimulador de Colágeno?

De modo geral, qualquer pessoa com idade a partir de 18 anos pode realizar procedimentos com bioestimuladores de colágeno, sem idade limite. Para pessoas com idade a partir dos 60, este procedimento serve para tratar a flacidez e outros problemas comuns que surgem nessa fase da vida. Já para pessoas mais jovens, com 20 a 25 anos, este procedimento serve para prevenir o envelhecimento e ainda garantir um efeito lifting na pele.

Bioestimuladores de colágeno antes e depois

Veja abaixo os resultados do tratamento com bioestimuladores de colágeno e confira a eficácia desse tratamento no rejuvenescimento da pele.

Gostou do artigo? Então aproveite para baixar nosso ebook e veja quais são os procedimentos em dermatologia e estética mais buscados atualmente!

bioestimuladores de colágeno

Veja os artigos mais recentes:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
×