Descubra o tratamento mais indicado para você em nosso TESTE ON-LINE

Prevenção e Tratamento para Estrias

Saiba agora tudo o que precisa para prevenção e tratamento para estrias!

Estar de bem com seu corpo é algo que não tem preço. Afinal, além de elevar a autoestima, manter uma harmonia e equilíbrio na aparência, realçando o que tem de melhor, sem dúvida é algo que impacta na qualidade de vida, gerando mais bem-estar e autoconfiança. Mas para alcançar esse nível de satisfação é preciso tomar alguns cuidados com o corpo. 

Quem sofre com estrias, sabe o quanto esse problema afeta o bem-estar e a autoestima, independentemente da idade. Felizmente hoje em dia já existem formas de prevenir e tratar as estrias. E não importa se elas são roxas, vermelhas ou brancas, essas marcas incômodas podem ser amenizadas de forma eficaz e segura. Quer saber como?

Então continue sua leitura e veja agora tudo o que precisa sobre estrias, bem como prevenir e tratar esse problema de pele. Boa leitura!

O que são as estrias?

tratamento para estrias

Estrias são uma espécie cicatriz na pele. E elas surgem quando a pele se distende mais rápido do que o suportado. Alguns exemplos disso são quando há aumento de peso rápido, na gravidez, quando há um ganho rápido de massa muscular, etc.

Faremos uma analogia aqui para ficar mais fácil de entender como as estrias surgem.

O problema pode ser visto como um elástico que é esticado e volta para sua posição normal. Mas se esse elástico for muito esticado, ao retornar ele volta não mais liso, porém com algumas ondulações.

E o mesmo acontece com as fibras elásticas que sustentam a camada intermediária da pele, quando a pele estica de modo muito rápido, e além do que pode suportar, então essas fibras, compostas por colágeno e outras substâncias, rompem-se. E é aí que se formam as estrias mais rosadas.

Quando isso acontece, então quanto mais cedo realizar o tratamento para estrias, melhores serão os resultados. Ou seja, estrias que são recentes respondem melhor ao tratamento que aquelas estrias mais antigas.

Veja o áudio de 3 minutos do Dr. Guilherme Szerman explicando sobre estrias:

Como surgem as estrias?

As estrias surgem do rompimento das fibras elásticas e colágenas, no começo são cicatrizes rosadas e quase imperceptíveis, mas que com o tempo (e se não for realizado o devido tratamento) podem ficar arroxeadas e depois esbranquiçadas e, nesse último caso, são mais difíceis de tratar.

Essas cicatrizes surgem em áreas com mais chances de estiramento da pele, tais como coxas, glúteos, mamas, barriga e etc.

De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), as estrias acometem mais as mulheres. Se encontram entre os principais problemas de pele em todo o mundo. Mas a SBD ainda relata que cerca de 70% do público afetado por esse problema são adolescentes e mulheres.

O que causa estria: quando aparecem?

Quando o assunto é o que causa estria, como mencionado, não existe apenas uma, mas várias causas.

Há casos em que as estrias surgem devido à gravidez (sendo um dos casos mais comuns), outros em função da pessoa perder ou ganhar peso muito rápido. O excesso de exercícios também causa estria, assim como o ressecamento da pele, etc.

Existem casos, ainda, onde as estrias acometem adolescentes devido à fase de crescimento.

Outros casos menos comuns do surgimento de estrias são o uso de próteses ou a colocação de expansores sob a pele.

Por fim, tem-se ainda como o que causa estrias ser o uso de alguns medicamentos ou, ainda, doenças.

Saber a causa da estria é importante para que o especialista consiga definir o tratamento para estrias adequado, bem como, para que se possa definir a quantidade de sessões de um determinado tratamento que serão necessárias.

Tipos: estrias vermelhas e estrias brancas

De modo geral, existem dois tipos de estrias: as rosadas (ou avermelhadas) e as brancas.

Estrias rosadas são aquelas que surgem no início e, portanto, são mais fáceis de serem tratadas.

Mas por que estrias vermelhas ou rosadas? Essas indicam que ainda existe circulação no local e que o tecido não foi totalmente comprometido. Por isso que essas são mais fáceis de tratar e conferem resultados muito melhores no aspecto da pele afetada.

Há ainda as estrias arroxeadas que indicam que o processo se encontra mais avançado. Podemos dizer que elas são intermediárias entre as rosadas e as seguintes (as brancas).

O que são as estrias brancas?

As brancas são estrias mais velhas. Nesse caso, a circulação no local foi comprometida. Por serem estrias mais antigas, logo, são mais difíceis de serem tratadas.

Contudo, tanto as estrias brancas como as estrias vermelhas ou arroxeadas podem ter resultados eficazes no tratamento para estrias com o Laser de CO2 (falaremos sobre ele a seguir).

Como surgem as estrias vermelhas?  

As estrias vermelhas surgem devido aos vasos sanguíneos ou capilares rompidos. Esse tipo de estria produz o tom avermelhado ou arroxeado no paciente. Geralmente as estrias vermelhas são mais recentes e possuem uma taxa de regeneração melhor no tratamento estrias, pois estão em processo inflamatório. 

Qual a diferença entre estria vermelha e branca?

A diferença entre estria branca e vermelha, é que na estria branca não existe circulação sanguínea. Por isso é preciso um tratamento mais avançado, como Laser de CO2 para tratar estrias brancas. Dessa forma, nas estrias brancas a circulação está totalmente comprometida. Essas são estrias mais antigas e difíceis de tratar. 

Tem como prevenir estrias?

Sim, existem alguns cuidados que podem ser tomados para prevenir o surgimento de estrias.

As principais medidas na prevenção das estrias são: evitar o sol, fazer uso de protetor solar com FPS 30 ou maior diariamente, usar cremes hidratantes, evitar banhos muito quentes, evitar ganho de peso repentino e consumir bastante água para se manter hidratado.

Mas é importante que você esteja sempre acompanhado por um especialista em dermatologia. Esse profissional, além de te orientar quanto às medidas para prevenir estrias, ainda te orientará quanto aos produtos adequados para o seu tipo de pele, obtendo, assim, os melhores resultados.

Tem como eliminar estrias definitivamente?

Uma das dúvidas mais comuns de quem sofre com esse problema na pele é se tem como eliminar estrias.

Embora até o momento não haja uma solução 100% eficaz de como eliminar estrias, existem tratamentos que ajudam a reduzir significativamente as estrias. Ou seja, atualmente existem alguns métodos capazes de atenuar a aparência das estrias na pele, sendo que em alguns casos elas ficam com um aspecto praticamente imperceptível.

O mais indicado para saber como tratar estrias com segurança é procurar um dermatologista para que este profissional possa avaliar seu quadro e, com base nisso, possa definir o melhor tratamento paraestrias no seu corpo.

As estrias mais recentes são mais fáceis de tratar?  

Sim, são mais fáceis. Mas primeiro queremos que você entenda o que são estrias. De modo geral todos os tipos de estrias ocorrem por causa da degradação das fibras de elastina que estão presentes na pele. Fibras que promovem a sustentação dos tecidos e elasticidade da pele.  

Quais os tratamentos para estrias?

Em relação ao tratamento para estrias, disponíveis hoje no mercado, o tratamento por Laser de CO2 é o mais recomendado. Ele é também o que confere resultados mais satisfatórios.

Mas há ainda o tratamento para estrias com peeling, que funciona como uma espécie de complemento ao Laser.

No entanto, o uso ou não do peeling ficará a critério do dermatologista. É por isso que você deve fazer uma consulta com esse especialista antes de iniciar quaisquer tratamentos.

Existem tratamentos com dermoabrasão e dermaroller, mas os resultados não são tão efetivos. E no caso das estrias brancas, elas não surtem bons resultados. Há pacientes que não obtiveram nenhuma resposta com outros tratamentos que não o Laser de CO2..

Tratamento para estrias com Laser de CO2 (Deka)

A Clínica de Pele possui mais de 20 anos de experiência no uso de tratamentos com Laser e medicina estética e consideramos o Laser CO2 o tratamento mais eficiente para as estrias.

No caso do tratamento para estrias que oferecemos no consultório, utilizamos o Laser pulsado e fracionado, obtendo melhores resultados. Sem contar que essa opção ainda proporciona um rejuvenescimento da pele por meio de calor e não de queimadura, como acontece com muitos outros tipos de Lasers.

Quanto a seu funcionamento, o Laser atua na camada mais interna da pele, protegendo a parte externa contra queimaduras. E assim se consegue uma melhora na aparência da pele.

Ressaltamos que esse procedimento é o mais eficaz para tratar estrias devido a que: o calor produz um melhor estímulo para a produção do colágeno e não queima a parte superficial da pele, é um tratamento mais confortável e oferece uma recuperação mais rápida.

Como funciona o Laser de CO2 para tratar estrias?

O tratamento para estrias com Laser de CO2 é bem simples. O Laser atua com os feixes de luz adentrando a pele e estimulando a produção de colágeno, é um aparelho de alta tecnologia na estética.

Outra vantagem, no caso do tratamento para estrias com Laser de CO2 fracionado usado na Clínica, da marca italiana Deka, é que usamos um modelo que não queima a sua pele, mas estimula a produção de colágeno através de calor. Assim, oferecemos um tratamento seguro e menos incômodo.

Esse tratamento é eficaz tanto em estrias vermelhas quanto nas brancas. As estrias vermelhas costumam responder muito bem ao tratamento, podendo oferecer uma melhora entre 60% até 90% no aspecto das estrias. No caso das estrias brancas, que, reiterando, são as mais difíceis de serem tratadas, o Laser CO2 confere uma melhora do aspecto da pele que pode variar entre 50% até 80%, na maioria dos casos.

Claro que o resultado do tratamento de estrias também depende muito de pessoa para pessoa e não é possível prever com exatidão o quanto cada paciente irá melhorar. 

Quanto mais clara a pele, maiores são as chances de melhora no tratamento das estrias com o Laser CO2, pois podemos usar energias maiores de Laser.. Por isso, também é importante usar o protetor solar durante todo o tratamento com o Laser CO2.

Laser para estrias funciona?

Sim o Laser é considerado padrão ouro no tratamento para estrias e geralmente os dermatologistas usam o Laser de CO2 Fracionado para as estrias vermelhas e brancas. O Laser de CO2 é um dos tratamentos mais eficientes e modernos para as estrias. 

O tratamento para estrias com o Laser de CO2 é um dos mais indicados pelos dermatologistas, porque o Laser consegue rejuvenescer profundamente a pele. 

É importante reforçar que o Laser utilizado pela Clínica de Pele, é um dos mais modernos. Esse Laser produz calor e não queimadura como a maioria dos outros Lasers Fracionados. 

Laser CO2 antes e depois

Veja alguns resultados do tratamento para estrias com Laser CO2 antes e depois. Esses são os resultados do moderno Laser de CO2 Deka. 

Depoimentos

Saiba o que dizem os pacientes que realizaram prevenção e tratamento para estrias com Laser de Co2:

E quanto ao tratamento para estrias com peeling?

O tratamento com peeling é outro também eficaz contra as estrias novas e antigas. Não tão eficaz quanto o Laser, mas também muito benéfico.

No nosso consultório nós trabalhamos com peeling químico e eles atuam de dentro para fora da sua pele. Ou seja, diferente do Laser, eles não atuam por meio de calor ou queimando a pele. Seu funcionamento, então, pode ser visto como um tipo de remédio.

Ele é aplicado na pele afetada pelas estrias e o paciente vai com ele para casa e após algumas horas pode lavar. E assim, o peeling vai atuando na camada mais superficial da pele para atenuar a aparência das estrias.

Ou seja, o peeling é um tratamento que atua diretamente na célula e estimula a renovação da pele no local. É um dos tratamentos mais seguros e confortáveis para os pacientes.

Tratamentos com peeling tendem a possuir uma elevada concentração de ativos e por isso que uma das recomendações importantes é evitar o sol nos primeiros dias do tratamento. Mas todas as recomendações necessárias antes, durante e após o tratamento são passadas ao paciente em consultório.

Qual o melhor peeling para estrias?

Um dos melhores peelings do mercado são: Melanesse, Cosmelan e Retinóico.  

O peeling ajuda a rejuvenescer a pele na região das estrias. A renovação celular acontece na camada superficial da pele, portanto esse é um tratamento seguro e eficaz quando realizado sob recomendação médica.  

Também é possível associar o peeling de cristal. O peeling de cristal ajuda no resultado a partir de sua esfoliação controlada da pele. 

Peeling para estrias antes e depois

Veja a seguir o antes e depois de pacientes que trataram estrias com peeling na Clínica de Pele:

Faq

Tratamento a Laser para estrias dói muito?

Uma pergunta comum antes de aplicar qualquer procedimento estético é: dói muito? Calma! Depende muito do Laser utilizado e do protocolo seguido pelo médico (calibragem do equipamento e cremes prescritos no pré e pós tratamento). O Laser fracionado e Pulsado que utilizamos costuma ser muito bem tolerado, pois atua pelo calor e não por queimadura, como explicamos acima. Além de um jato gelado (que vai a menos 30 graus Celsius), utilizamos um anestésico durante as sessões. Vale ressaltar que depois das sessões é comum que apareçam: uma leve vermelhidão e inchaço (devido ao calor do Laser, que vai produzir colágeno) e uma casquinha bem pequena (micro-pontinhos) que vão embora, em média, após 15 dias, com o uso dos cremes cicatrizantes prescritos pelo médico.

Os dermatologistas da Clínica de Pele possuem mais de 20 anos de experiência e indicam todos os remédios para te auxiliar no pré e no pós tratamento. Por isso, é muito importante que você converse sempre com médicos experientes na área, para saber como obter resultados satisfatórios e também para evitar possíveis efeitos indesejados.

É preciso escolher com atenção o seu procedimento. Recomendamos que sempre pesquise o profissional e a tecnologia que será utilizada no seu tratamento a Laser para estrias. Pois como falamos o Laser de CO2 Fracionado e Pulsado é muito diferente do Laser de CO2 só Fracionado. Saiba diferenciar!

Quais regiões com estrias que podem ser tratadas?

Pode ser realizado em qualquer parte do corpo. As regiões mais comuns são braços, mamas, culotes, coxas, quadris e nádegas.

Quantas sessões são necessárias?

No tratamento das estrias, recomendamos cerca de 5 sessões de Laser CO2, a cada 30 ou 60 dias. No caso do peeling, uma média de 10 sessões, com intervalos de 15 dias entre uma e outra, é o recomendado.

Mas, a quantidade dependerá da avaliação do caso de cada paciente previamente através de uma consulta com um especialista. Por exemplo: há diferentes tipos de estrias e para cada caso há uma recomendação de quantidade de sessões.

Quanto custa o tratamento para estrias?

O valor do tratamento de estrias varia de acordo com a quantidade de sessões necessárias, tamanho da área a ser tratada e o tipo de tratamento indicado. 

Estrias brancas, por exemplo, poderão exigir mais sessões para melhores resultados.

Por outro lado, as estrias rosadas ou arroxeadas são mais simples de serem tratadas e conferem resultados mais rápidos utilizando poucas sessões.

O mais indicado nesse caso é sempre buscar uma avaliação inicial para saber de forma precisa quanto custará esse tipo de tratamento no seu caso.

Aproveite para fazer o teste online gratuito e descubra qual o melhor tratamento para o seu caso!

Como ocorre a evolução da pele após o Laser de Co2?

Após 1 dia da sessão a Laser é comum que sua pele forme uma pequena casquinha, e que esteja com uma vermelhidão leve e um pouco edemaciada. Essa reação é comum, mas uma das recomendações pós Laser de CO2 utilizadas na Clínica é passar a pomada cicatrizante prescrita pelo Dr. Szerman.

Principalmente nas primeiras 48 horas após o Laser de CO2 é recomendado que você passe pelo menos 8 vezes ao dia a pomada cicatrizante. Essa pomada é para hidratar sua pele durante as primeiras 48 horas, mas existe outra pomada cicatrizante no protocolo pós Laser de CO2 recomenda para o terceiro dia após o Laser.

Apesar do efeito sobre o colágeno não ser imediato após a sessão, é comum que entre o vigésimo dia você veja todos os benefícios da sessão.

A evolução do rosto do paciente é rápida, cerca de 5 dias. A evolução no corpo, como no caso das estrias, acontece em até 20 dias.

O que é o sérum pós Laser?

O sérum pós Laser é utilizado para uma recuperação mais rápida da pele, recomendamos o uso logo após o tratamento.

É composto por beta glucana (imunoestimulante), ácido hialurônico e outras substâncias calmantes. Quem aplica é o próprio Dr. Szerman.

Após realizar o procedimento com Laser de CO2, é muito importante que você considere os cuidados pós Laser CO2 que falamos. Isso porque são eles que poderão proporcionar uma recuperação mais rápida da sua pele. Fazendo com que você se sinta ainda mais satisfeito (a).

Quais são os cuidados pós Laser CO2?

[CTA]  Dr. Szerman explica

Ouça os cuidados mais importantes após as sessões de Laser de CO2:

Recomendações Gerais

  • Evite a exposição solar
  • Não lavar o rosto por 8 horas
  • Usar os cremes cicatrizantes a cada 2 ou 3 horas
  • Não lavar a pele com sabonetes comuns
  • Utilizar soluções de limpeza (sem sabão) por 5 dias
  • Evitar o uso de cosméticos nas 48 horas após o Laser
  • Aguardar a formação das casquinhas para fazer uso do protetor solar
  • Suspender os ácidos e clareadores até a recuperação total da pele.

Dicas extras

  • Não precisa aguardar 8 horas para usar os cremes cicatrizantes. Quanto antes começar a usar melhor. Aplique sempre com as mãos limpas.
  • Não deixe a pele ficar seca. Reaplique os cremes cicatrizantes sempre que perceber que a pele está ficando seca (no mínimo 8 vezes ao dia).
  • O ideal é não se expor ao sol nas 48 horas iniciais ao Laser para que não precise utilizar o filtro solar, pois o mesmo pode irritar a pele no pós imediato do Laser, uma vez que a mesma se encontra mais sensível.
  • Aplicar compressas de gaze com soro fisiológico ou chá de camomila gelado (somente após 8 horas do Laser).

É importante explicar que as estrias são algo estético e não geram danos à saúde. E quando elas se formam não existe cura, mas há tratamentos que, quando bem realizados, oferecem resultados excelentes.

Temos muitos pacientes satisfeitos com os tratamentos oferecidos aqui em nosso consultório. Você pode conferir alguns resultados abaixo:

tratamento com Laser e peeling deve ser feito apenas por profissional qualificado como um dermatologista.

Se ficou interessado e quer conhecer mais sobre o tratamento, entre em contato com a gente. Temos uma clínica de dermatologia e estética no Centro, Rio de Janeiro, e outra que está na cidade de Copacabana. Faça-nos uma visita e conheça nossas soluções para cuidar e tratar da sua pele.

rejuvenescimento da pele

Veja os artigos mais recentes:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
×