CRM 5276961-4
Pesquisar
Close this search box.

Melasma: conheça os 9 melhores tratamentos caseiros

melasma

O melasma é uma condição crônica da pele que causa descoloração na face. Geralmente aparece como manchas marrons, bronzeadas ou cinza-azuladas ao longo das bochechas superiores, lábio superior, testa e queixo.

Os principais fatores causadores do melasma são as alterações hormonais e a exposição externa à radiação solar, por isso os tratamentos mais eficazes e duradouros visam reduzir ou eliminar essas causas.

Muitas mulheres apresentam melasma durante a gravidez e, nesses casos, a condição geralmente melhora naturalmente após o término da gravidez.

Nesse texto, você irá descobrir os melhores tratamentos em consultórios e remédio caseiro para tirar manchas escuras da pele.

Perguntas frequentes sobre melasma

YouTube video

Método 1: Tratamento do melasma com medicamentos de prescrição médica

1 – Consulte o seu clínico geral. Converse com seu clínico geral sobre quaisquer medicamentos para alterações hormonais e cremes para melasma os quais você pode experimentar antes de se consular com um dermatologista.

O tratamento pode ser considerado eletivo e pode não ser coberto pelo seu seguro. Procure saber os preços de quaisquer tratamentos e procedimentos antes de fazer um agendamento.

2 – Pare de tomar remédios que possam ser responsáveis pelo problema. Certos medicamentos, como pílulas anticoncepcionais e terapia de reposição hormonal, podem afetar seus hormônios e induzir o melasma. Converse com seu médico sobre a interrupção desses medicamentos.[1]

  • Embora a gravidez seja a condição mais comumente associada ao melasma, a ocorrência das manchas também é associada a medicamentos e condições que afetam seus hormônios.

  • Contraceptivos orais e terapia de reposição hormonal são as próximas duas causas mais comuns de melasma, após a gravidez. Você pode parar de usar ou tentar mudar para um medicamento diferente para determinar se o seu melasma vai desaparecer naturalmente depois.

3 – Altere sua terapia de reposição hormonal. Muitas vezes, é impossível parar a terapia de reposição hormonal. Considere por que você está fazendo terapia de reposição hormonal para determinar se você pode parar ou ajustar a dosagem.

No entanto, existem maneiras de alterar sua terapia para reduzir a probabilidade do surgimento do manchas escuras na pele. Consulte seu médico antes de fazer qualquer alteração.

  • Comece a fazer reposições hormonais à noite. Se você fizer a reposição hormonal pela manhã, ela atingirá a sua potência máxima quando o sol estiver mais forte, maximizando o risco de melasma.
  • Mudar sua medicação para a noite pode ajudar a aliviar o problema.
  • Cremes e adesivos podem ser um pouco menos propensos a causar melasma do que as formas orais do tratamento.
  • Peça ao seu médico para administrar a menor dose possível.[2]
Entre em contato

Remédio caseiro para tirar manchas escuras da pele

4 – Peça ao seu médico uma receita de creme de hidroquinona . Embora alguns tratamentos contendo este ingrediente possam ser comprados sem receita, seu dermatologista ou médico de clinica geral pode prescrever uma versão mais forte que será mais eficaz em clarear a pele.

  • A hidroquinona vem em forma de creme, loção, gel ou líquido. Ela funciona bloqueando o processo químico natural em sua pele responsável pela criação de melanina e, como a melanina produz pigmentação escura da pele, a quantidade de pigmentação escura relacionada ao melasma também será reduzida.
  • A hidroquinona sob prescrição normalmente tem uma concentração de 4%. Concentrações de hidroquinona superiores a 4% provavelmente não serão prescritas nos Estados Unidos e podem ser perigosas. Elas podem causar ocronose, uma forma permanente de descoloração da pele.[3]

5 – Converse com seu médico sobre um outro clareador de pele. Embora a hidroquinona seja usada como primeira opção de tratamento em muitos casos, seu dermatologista pode estar disposto a prescrever um clareador de pele secundário que pode ajudar a potencializar o efeito.[4]

  • Tretinoínas e corticosteróides estão entre os tratamentos secundários mais usados. Ambos são usados para acelerar o processo de descamação e substituição das células da pele pelo corpo.

    Alguns dermatologistas podem até prescrever “cremes triplos”, que contêm tretinoína, um corticosteroide e hidroquinona em sua fórmula.
  • Outras opções incluem ácido azeláico ou ácido kójico, que retardam a produção de pigmentos que escurecem a pele.

Método 2: Tratamento de melasma com procedimentos profissionais

1 – Faça um peeling químico. Um peeling químico é um procedimento que usa ácido glicólico ou outro abrasivo químico semelhante para descascar a camada superior da pele afetada pelo melasma.[5]

  • O produto químico líquido é aplicado à pele, criando uma queimadura química leve. À medida que as camadas queimadas descascam, elas deixam para trás uma pele fresca e livre de melasma.

    No entanto, isso não irá impedir o melasma se você não tiver tratado os desequilíbrios hormonais subjacentes.
  • Embora o ácido glicólico seja uma das opções mais comuns usadas, outra opção comum é o ácido tricloroacético, que é um composto semelhante ao vinagre.

    Peelings feitos com esse produto químico podem ser um pouco mais dolorosos depois, mas podem ser uma boa opção para casos graves de melasma.

YouTube video
Melasma [Peeling & Laser de Co2]

2 – Considere a microdermoabrasão e a dermoabrasão. Durante esses procedimentos, a camada superior da pele é removida gradualmente, deixando a pele limpa e livre de melasma em seu lugar.[6]

  • Tanto a dermoabrasão quanto a microdermoabrasão são procedimentos médicos que essencialmente “lixam” a camada superficial da pele usando materiais abrasivos.

    Durante a microdermoabrasão, cristais finos são jateados sobre toda a pele. Esses cristais são abrasivos o suficiente para remover à força as células mortas da pele, retirando assim a pele afetada.
  • Você normalmente pode fazer cerca de cinco procedimentos, cada um com duas a quatro semanas de intervalo. Você também pode optar por um tratamento de manutenção a cada quatro a oito semanas.

3 – Tenha cuidado com lasers. Embora alguns tratamentos a laser possam ajudar a remover a pele afetada pelo melasma, alguns podem piorar a condição, se mal administrados.

Somente faça um tratamento a laser se for administrado por um profissional credenciado. Procure um laser duplo restaurador ou fracionado e pulsado (Laser frio) que atinja apenas a pigmentação na superfície da pele.

  • Os tratamentos com laser fracionário tendem a ser caros e podem custar R$ 1.500 ou mais. Tenha em mente que você provavelmente precisará de três a seis tratamentos ao longo de três a seis meses.[7]

4 – Experimente o tratamento com plasma rico em plaquetas. Para este tratamento, o plasma que foi enriquecido para estimular a recuperação é injetado no corpo.

É um tratamento experimental, ainda não bem compreendido. Evidências preliminares, no entanto, mostram que ele não apenas pode ser capaz de tratar as manchas, mas também ajudar a prevenir sua recorrência.[8]

Entre em contato

Método 3: Tratamentos caseiro para melasma sem receita médica

tratamento caseiro para melasma

1- Proteja sua pele do sol

Aplique protetor solar de amplo espectro e tome outras medidas para proteger sua pele do sol.[9] Isso pode prevenir um surto de melasma e reduzir o risco de piora do quadro atual.[10]

  • Aplique protetor solar 20 minutos antes de se expor ao sol. Procure um protetor solar com FPS 30 ou superior e considere comprar um com substâncias adicionais, como o zinco, para beneficiar sua pele.
  • Você também pode tentar “dobrar” a proteção solar. Coloque uma camada de protetor solar FPS 15 sob um protetor solar FPS 30 para obter ainda mais proteção.
  • Use um chapéu de abas largas e óculos de sol grandes para fornecer proteção adicional ao seu rosto.

    Se o seu melasma for especialmente grave, você também pode considerar o uso de camisas e calças de mangas compridas. Tente ficar o máximo possível longe da luz solar direta.

2 – Acalme-se

O estresse pode piorar os desequilíbrios hormonais e, se um desequilíbrio hormonal for a causa do seu melasma, encontrar maneiras de se estressar menos pode ajudar a tratar o problema.

  • Se você tiver dificuldade para relaxar, experimente técnicas como meditação ou ioga. Se isso não funcionar para você ou não lhe agradar, simplesmente reserve um tempo para mais coisas de que você gosta – incluindo caminhadas no parque, leitura ou banho de espuma.

3 – Creme de hidroquinona

Essas pomadas medicinais clareiam a pele, fazendo com que os surtos de melasma desapareçam.[11]

Remédio caseiro para melasma no rosto:

  • A hidroquinona vem em forma de creme, loção, gel ou líquido. Ela funciona bloqueando o processo químico natural em sua pele responsável pela criação de melanina e, como a melanina produz pigmentação escura da pele, a quantidade de pigmentação escura relacionada ao melasma também será reduzida.
  • Existem até cremes de hidroquinona que contêm um pouco de protetor solar; portanto, se você quiser proteger sua pele enquanto trata o melasma, essas opções oferecem uma solução completa para você fazer isso.
  • Cremes de hidroquinona sem receita médica geralmente têm uma concentração de 2% ou menos.

4 – Cremes que contenhas Cisteamina

cremes para melasma

Naturalmente presente nas células do corpo humano, a cisteamina é segura e comprovadamente eficaz no tratamento do melasma.[12]

Melasma no rosto tratamento caseiro:

  • A cisteamina, é o produto natural do metabolismo da L-cisteína no corpo humano. Ela atua como um antioxidante intrínseco e é conhecida por seu papel protetor contra a radiação ionizante e como um agente antimutagênico.

    A cisteamina atua através da inibição da síntese de melanina na produção de despigmentação.

5 – Cremes que contenham ácido kójico ou melaplex

Ambos os ingredientes são clareadores da pele, mas tendem a ser menos agressivos e menos irritantes do que a hidroquinona.

Remédio caseiro para tirar mancha escura da pele:

Esses ingredientes reduzem a produção de melanina que influenciam no escurecimento da pele. Como resultado, as novas células da pele que estão sendo produzidas serão menos escuras, tornando mais difícil para o melasma se instalar.[13]

6 – Tretinoína creme

Tratamento caseiro para melasma:

Este é um tipo de vitamina A que aumenta a taxa na qual sua pele elimina células mortas. Isso pode ajudar as manchas de melasma a desaparecerem mais rapidamente.[14]

  • Observe, no entanto, que isso por si só pode não curar seu melasma se a causa subjacente também não tiver sido corrigida. A pele afetada descamará mais rapidamente, mas isso não terá impacto se suas novas células forem todas afetadas.

7 – Amoreira de papel

Tratamento natural para melasma:

Esta planta cresce como uma pequena árvore ou arbusto, e embora tenha muitos usos não medicinais, o extrato ou os produtos que contêm o extrato podem ser usados por via oral e tópica para tratar o melasma, desde que você siga as instruções fornecidas no produto.[15]

8 – Outros tratamentos alternativos.

Tratamento caseiro para melasma no rosto:

Outros ingredientes conhecidos por ajudar quando aplicados topicamente incluem Uva ursi, agrião, ácido mandélico, ácido lático, extrato de casca de limão, vinagre de maçã e vitamina C.

Todos eles são capazes de inibir substâncias produtoras de pigmentação em sua pele sem anulá-las completamente e causar irritação ou sensibilidade à luz.

9 – Espere

Se o seu melasma foi induzido pela gravidez, ele passará quando a gravidez terminar. No entanto, será mais provável que ocorra em gestações posteriores.

Casos de manchas não causados pela gravidez podem durar mais tempo e podem exigir uma intervenção mais decisiva para tratar.[16]

Contato

Clínica de Pele Dr. Szerman | Dermatologia no Rio de Janeiro há mais de 50 anos.

Clique no link abaixo e entre em contato conosco através do WhatsApp. A gente vai passar todas as informações para que você faça todo o procedimento com tranquilidade.

Entre em contato

Revisado clinicamente por Kate Holcomb, MD e 22 colaboradores
Títilo original: How to Treat Melasma

Veja também os artigos mais recentes:

Microagulhamento para melasma funciona? Saiba mais!

Tipos de Melasma:  Conheça os 3 principais e saiba como trata-los

Tem como eliminar melasma definitivamente?

COMPARTILHE ESTE CONTEÚDO:

Você também pode gostar destes conteúdos

Dermatologia, Laser & Estética

BAIXE O NOSSO E-BOOK
e descubra agora como prevenir e tratar!

Fale no WhatsApp
Fale no WhatsApp
Escanear o código
Olá 👋
Como podemos te ajudar?