Descubra o tratamento mais indicado para você em nosso TESTE ON-LINE

Prevenção e Tratamento de Olheiras

Olheiras representa um problema que faz parte da vida de muitas pessoas. Elas surgem por conta da elevada concentração de melanina na região abaixo dos olhos ou ainda devido ao acúmulo de vasos capilares na área em torno dos olhos. Mas, você sabia que existem diferentes formas de prevenção e tratamento de olheiras?

Acompanhe este guia completo e saiba o que são e como surgem as olheiras, suas causas, tipos. E o mais importante, o que fazer para tratar olheiras e melhorar não só a sua aparência, mas sua qualidade de vida.

Tratamento de Olheiras – Dr. Szerman explica:

O que são olheiras e como surgem?

tratamento de olheiras
Olheiras

As olheiras são muito comum e podem incomodar e prejudicar a autoestima de quem convive com este problema. Elas aparecem como manchas escuras ou acastanhadas na pálpebra abaixo dos olhos e podem ser de origem genética ou então decorrente de fatores adquiridos ao longo da vida.

Embora não haja estatísticas claras sobre o problema, sabe-se que o problema ocorre com muito mais frequência do que se imagina. Qualquer pessoa está suscetível a ter olheiras, independentemente do gênero ou idade. E mesmo que a princípio ter olheiras pareça algo inofensivo e sem tanta importância, saiba que o problema pode se agravar, sobretudo quando não recebe a atenção e o tratamento adequado.

O que provoca as olheiras?

As olheiras são em sua grande parte causadas por alguns fatores como noites mal dormidas ou má circulação no sangue, o que vai além dos fatores genéticos. Mas, além disso, existem outros fatores que costumam provocar e agravar as olheiras, tais como:

  • Fatores genéticos e hereditários.
  • Acúmulo de vasinhos e má circulação sanguínea.
  • Cansaço físico e estresse.
  • Noites mal dormidas, insônia.
  • Excesso de pigmentação de melanina.
  • Hábitos como tabagismo.
  • Consumo de álcool e/ou drogas.
  • Doenças respiratórias.
  • Estresse físico e/ou emocional.
  • Não proteger a área corretamente, como não usar proteção contra os raios UV.
  • Estrutura óssea do rosto, globo ocular mais fundo.

Além disso, o processo natural de envelhecimento também pode acentuar olheiras, já que a medida em que os anos passam, a flacidez na região da pálpebra inferior aliada a remodelação óssea e perda de gordura facial de sustentação ajudam a evidenciar o problema.

Fora isso, existe ainda a questão da perda de peso corporal que altera a anatomia da pálpebra na maioria dos casos e também pode vir a realçar as olheiras no rosto.

Quais os tipos de olheiras existentes?

São quatro os tipos de olheiras que existem e esses tipos são diferenciados pela sua coloração, intensidade de pigmentação, estrutura das pálpebras e fatores causadores da olheira.

Para que cada tratamento de olheiras seja eficiente é preciso antes identificar a causa correta, ou o tipo de olheira, entenda a diferença entre os quatro tipos:

Olheiras Vasculares

As olheiras vasculares costumam ter um tom arroxeado, avermelhado ou azulado e sua causa normalmente decorre da má circulação do sangue na região, muito por conta de noites mal dormidas ou mesmo em pessoas que possuem a pele palpebral bem fina e clara. As Olheiras Vasculares acontecem por conta de na região o sangue que circula é escuro e pigmentado e a pele fina e clara evidência esses vasinhos na região.

Olheiras Pigmentares

As Olheiras Pigmentares podem ocorrer em algumas pessoas pelo excesso de produção do pigmento que dá cor a pele ao redor dos olhos. A melanina em excesso acaba por escurecer a região e gerar manchas marrons sendo mais comum em peles negras, mas não a via de exceção.

Olheiras Profundas

As Olheiras Profundas ocorrem pela falta de volume na região dos olhos, os famosos “olhos fundos” caracterizados pelo globo ocular mais fundo de forma natural e genética ou mesmo por perda de preenchimento na região causada por fatores do envelhecimento ou perda de peso excessiva.

Olheiras Mistas

As Olheiras Mistas são o tipo mais comum de olheiras e combinam os três tipos anteriores tendo mais de uma causa normalmente.

Olheiras e bolsas embaixo dos olhos são a mesma coisa?

Diferente das olheiras as bolsas em baixo dos olhos, ou bolsas na região palpebral, são consequência de um excesso de gordura que se associa a flacidez da própria pele e muscular.

Essas bolsas dão um aspecto de aparência cansada e inchada e normalmente ao invés de tratamento de olheiras é realizado um tratamento cirúrgico que retira essa pele em excessos e ameniza seu efeito.

Dessa forma, as olheiras são áreas escuras e mais deprimidas que consistem em tratamento de olheiras específicos que não são cirúrgicos em grande parte e embora ambas possam ser confundidas, são bem diferentes.

No entanto, a existência de bolsas em baixo dos olhos pode acarretar em olheiras já que há muitos vasinhos no interior delas que tendem a deixar a pigmentação mais escura na pele dessa região.

O que fazer para melhorar as olheiras?

Olheiras_1
Olheiras

O famoso corretivo e base para disfarçar as olheiras não é a única solução. Com bons hábitos e cuidados fundamentais é possível melhoras o aspecto dessas manchinhas escuras que atrapalham a autoestima.

O mercado da beleza atualmente vem inovando em tratamento de olheiras, possibilitando que pessoas com problemas de pele como olheiras possam disfarçar as imperfeições e melhorar o aspecto daquilo que normalmente as incomoda.

Contudo, é importante destacar que o uso de produtos cosméticos para olheiras, embora ajudam a disfaçar o problema, não podem ser encarados como tratamentos definitivos para o problema. Sobretudo porque estes produtos não possuem potencial para agir diretamente nos fatores que causam as olheiras.

Se o seu objetivo é amenizar as manchas decorrentes das olheiras de maneira prolongada, então buscar pelo tratamento certo para o seu caso faz toda a diferença. Veja abaixo algumas recomendações básicas para melhorar o aspecto de cada tipo de olheira. Confira!

Cuidando das Olheiras Vasculares

Para melhorar o aspecto das Olheiras Vasculares o mais indicado é um tratamento de olheiras que vise melhorar a circulação sanguínea da região e destruir os pigmentos clareando, hidratando e aumentando a densidade da pálpebra inferior.

Tratamentos com luz intensa pulsada, lasers e drenagem linfática na área podem ser boas opções de cuidados, além de skinboosters, ácido hialurônico para peles extremamente finas. Cremes que ativem a circulação local com ativos de cafeína também são ótimas opções.

Cuidando das Olheiras Pigmentares

Para melhorar o aspecto das Olheiras Pigmentares o indicado é diminuir a pigmentação da região escura e amarronzada e para isso tratamento de olheiras com peelings e lasers são boas indicações. O uso de cosméticos clareados com o componente alfa arbutin também são ótimas opções para cuidar desse tipo de olheira.

Cuidando das Olheira Profundas

Para melhorar o aspecto das Olheiras Profundas o ideal, além de clarear as manchas, é devolver o volume à região ocular tirando aquele aspecto de olho fundo e um dos tratamento de olheiras ideal é o preenchimento com ácido hialurônico, trazendo ótimos resultados, além de resultados rápidos e duradouros que não só preenchem, mas hidratam a área aplicada.

Cuidando das Olheiras Mistas

Assim como as causas das Olheiras Mistas que podem ser variadas e combinadas, o tratamento de olheiras Mistas também varia de acordo com o tipo. O mais indicado é procurar um profissional que possa identificar as causas dos seus tipos de olheiras e prescrever o melhor tratamento e cuidados a serem aplicados para melhor eficácia.

whats
Fale conosco

Como prevenir as olheiras?

Para evitar as olheiras além de ter uma rotina de cuidados diários é necessário dar atenção a alguns hábitos. Anote essas 5 dicas de como prevenir as olheiras que separamos:

1. Procure melhorar a qualidade do sono

Noites mal dormidas tendem a piorar a região, deixando o olhar cansado e evidenciando a tonalidade escura da área dos olhos, isso acontece porque a circulação sanguínea na área fica prejudicada pela tensão de dormir pouco ou manter noites de insônia frequentes.

Portanto, busque dormir pelo menos 7 a 8 horas por dia, desligar as telas e luzes uma hora antes de fechar os olhos e dar uma atenção maior a essa fase do dia.

2. Evite se expor ao sol de forma excessiva

Outro fator que tende a escurecer a região abaixo dos olhos e prejudicar a pele é a exposição ao sol de forma excessiva, principalmente quando a pele não está bem hidratada e protegida contra os raios UV.

Evite ficar sobre o sol forte, busque horários como o início da manhã ou fim da tarde para se expor ao sol e sempre com proteção com no mínimo fps 30, mesmo em dias nublados ou de chuva.

3. Uma boa dieta e exercícios físicos

Manter uma boa alimentação, consumo de alimentos saudáveis que façam bem ao organismo é essencial para que o corpo aja de dentro para fora. Bem como aliar a rotina diária aos exercícios físicos, sejam quais forem, pois a atividade física ajuda a equilibrar o organismo e melhora a circulação sanguínea beneficiando os vasinhos na região ocular.

4. Retirar bem a maquiagem e não dormir maquiada

Um dos hábitos que ajuda a prevenir olheiras é a cara limpa, principalmente ao ir para a cama. Procure manter o hábito de limpar bem a pele e eliminar os pigmentos de maquiagem deixando a pele transpirar, isso ajuda a circulação do sangue na região e melhora o aspecto e o pigmento da pele na região das olheiras.

5. Reduza o estresse físico e mental

Um dos grandes fatores que geram olheiras e outro vários males ao corpo e mente é o estresse, procure reduzir a forma como anda levando a vida. Muitas vezes é complicado evitar esse sentimento, mas busque maneiras de relaxar e amenizar o estresse, uma dica é fazer algo que goste, ler um livro, ouvir uma boa música ou até mesmo praticar meditação.

Tratamento caseiro para olheiras funciona?

Existem tratamento de olheiras caseiros que podem funcionar, principalmente quando se trata de casos mais simples que não tem causas adicionais relacionadas. Porém, o melhor tratamento sempre será aquele proposto por um médico especializado, como é o caso de um dermatologista.

Alguns tratamentos caseiros para olheira incluem:

  • Dormir bem – Embora pareça estranho, dormir bem é um dos melhores remédios para o tratamento de olheiras, mas o que é dormir bem, afinal? Dormir bem nada mais é que ter uma noite tranquila de sono em que o corpo e a mente consigam descansar de verdade, o mais indicado é que se durma pelo menos de 7 a 8 horas por noite.
  • Uso de compressas frias – O frio tem o poder de contrair os vasos sanguíneos e aplicar compressas frias sobre as olheiras tende a diminuir sua intensidade e melhorar seu aspecto.
  • Menos exposição solar – A menor exposição solar, principalmente quando os raios UV estiverem fortes reduz as manchas e olheiras.
  • Hidratação na pele – Hidratar a pele ao redor dos olhos contribuí para ativar a região e melhorar a circulação, ativos com cafeína, ácido hialurônico, retinol e vitamina E são bons componentes.
  • Aplicação do pepino – O pepino para combater olheiras é uma prática antiga que dá certo. Fatie o pepino em fatias grossas e resfrie-o deixando por 10 minutos aplicado sobre os olhos e repita o procedimento por pelo menos 2 vezes ao dia.

Como tratar olheiras?

Os três principais tratamentos de olheiras mais utilizados são a Luz Pulsada, o Peeling e o Preenchimento. Conheça cada um deles, saiba como funciona e suas vantagens:

Tratamento com Luz Pulsada

A LIP – Luz Intensa Pulsada é um tratamento de olheiras muito utilizado principalmente para tratar olheiras com pigmentação escura e manchas hiperpigmentadas. O tratamento é indolor, rápido de ser aplicado e feito através de pulsos de luz que são emitidos e adentram a pele fazendo com que as células escuras sejam absorvidas e renovando a pele, bastante indicada para olheiras vasculares.

Tratamento com Peeling

O Peeling é também um tratamento de olheiras bastante eficaz, ele é feito com ácidos ou substâncias que atuam amenizando rugas, linhas de expressão, clareando manchas e marcas e renovando as células da pele eliminando os pigmentos concentrados, como as manchas e olheiras. Existem vários tipos de peelings e o peeling associado as olheiras necessita de uma avaliação que dependerá do tipo de olheira a ser tratada, normalmente os peelings com ácido glicólico, hidroquinona ou retinóico são os mais utilizados pelas suas propriedades clareadoras. Outros peelings possíveis de serem utilizados são o Jessner que combina ácido salicílico, lático e resorcinol.

Tratamento com Preenchimento de Ácido Hialurônico

O preenchimento é um tratamento de olheiras que funciona muito bem, ele é feito com ácido hialurônico que é uma substância produzida pelo nosso próprio corpo e aplicada na região dos olhos preenchendo as olheiras profundas e amenizando a região através da produção de colágeno estimulada e da alta capacidade de atrair mais moléculas de água impedindo que a pele desidrate. A aplicação é feita através de agulhas em pontos específicos de forma indolor e rápida, sem necessidade de recuperação ou repouso.

Quando procurar um dermatologista?

A partir do momento em que as manchas abaixo dos olhos se tornam persistentes ou então não melhoram com alternativas caseiras e ainda causam desconforto em sua autoimagem e prejuízos a autoestima, então buscar ajuda de um dermatologista acaba se tornando uma medida necessária.

Com a avaliação deste profissional será possível identificar o que está causando as olheiras e, com base na avaliação inicial do problema, indicar a melhor abordagem terapêutica para o seu caso.

Faça agora o nosso teste online gratuito e descubra qual é o tratamento de rosácea mais indicado para o seu caso. Tenha também uma estimativa dos valores clicando no banner abaixo.

TESTE ONLINE 2
Veja se o tratamento funciona para o seu caso.

Dúvidas frequentes sobre as olheiras

É possível eliminar olheiras em definitivo?

Antes de mais nada é importante destacar que em casos de olheiras, assim como de qualquer outro problema de pele, a avaliação de um dermatologista sobre o caso é fundamental. Mas, vale destacar que mesmo existindo tratamentos de olheiras eficientes, segundo a u003ca href=u0022https://sbdrj.org.br/olheiras-causas-e-tratamentos/u0022u003eSociedade Brasileira de Dermatologiau003c/au003e, é muito difícil remover o problema em definitivo, sobretudo em razão da fragilidade da pele nessa região e a tendência de cada pessoa para desenvolver olheiras.u003cbru003eNesse caso, os tratamentos de olheiras mais recomendados servem para controlar o problema, amenizar seu aspecto e impedir que ele se agrave.

Olheiras podem indicar doenças?

A resposta é sim, embora comuns à maioria das pessoas as olheiras podem indicar a presença de alguma doença, principalmente quando aliadas a outros sintomas. Mas somente um médico especializado pode analisar e diagnosticar a presença de doenças aliadas as olheiras.u003cbru003eDoenças como dermatites, conjuntivites, enxaqueca, problemas de tireoide, retenção de líquido, mal funcionamento de rins ou fígado, doenças endócrinas, problemas vasculares ou hepatite podem estar ligadas com as olheiras, por exemplo, principalmente quando perceber que sofrem agravamento ao longo do tempo.

A causa da olheira é somente genética?

Não, o que causa as olheiras não é somente genético. As olheiras podem sim ser de origem genética e hereditária, no entanto, há outras várias causas que tornam as olheiras evidentes indo além de fatores passados por gerações.u003cbru003eAlgumas causas das olheiras podem incluir alergias, dermatites atópica ou dermatites de contato, casos hereditários e genéticos, irregularidades de pigmentação, má circulação sanguínea, coçar ou esfregar os olhos demais, exposição solar exagerada, má limpeza da pele, não remoção da maquiagem, noites mal dormidas, estresse, doenças, tabagismo, consumo de álcool e/ou drogas, falta de hidratação na pele, entre outras.

A alimentação influência nas olheiras?

Sim, uma alimentação rica em nutrientes saudáveis ao organismo pode ser benéfica não só para o corpo todo, mas principalmente para o bom aspecto das olheiras e da pele. Assim como uma alimentação ruim e desbalanceada pode prejudicar.u003cbru003eA sensibilidade para alguns alimentos alergênicos como o glúten, a proteína do leite e da soja também podem ser causas da existência de olheiras, então é bom avaliar e prestar atenção no que se consome identificando as particularidades e reações inflamatórias do próprio corpo.u003cbru003eIngerir alimentos antioxidantes ajuda a beneficiar no tratamento de olheiras, mas o corpo todo, pois agem firmando e proporcionando maior resistência dos vasos sanguíneos evitando rompimento ou então acúmulo de líquidos na região.u003cbru003eAlimentos como peixes como atum, salmão ou sardinha ricos em ômega 3, linhaça, gengibre, chá verde, azeite de oliva ou macadâmia, brócolis, castanha do Pará, amêndoas, lichia, alimentos ricos em vitamina E também são fortes aliados.u003cbru003eAlém disso beber bastante água é outro fator importante que ajuda na prevenção e tratamento de olheiras pois age desintoxicando, limpando e purificando o organismo de dentro pra fora proporcionando uma melhora na circulação sanguínea e na manutenção de todas as reações metabólicas do organismo.

O que é blefaroplastia e quando é indicada?

A Blefaroplastia é a cirurgia que retira as pálpebras caídas, inchadas ou as bolsas de gordura da região dos olhos visando melhorar a aparência de cansaço e o aspecto do olhar. Dessa forma elimina o excesso de pele e reajusta os contornos palpebrais restaurando uma aparência mais vigorosa e jovial.u003cbru003eEssa cirurgia é indicada para pessoas que tenham bolsas de gordura em baixo dos olhos que junto as olheiras incomodem e prejudiquem a autoestima, mas não necessariamente está ligada ao tratamento de olheiras.

Massagem para diminuir olheiras funciona?

As massagens na região ocular podem ajudar a drenar o local e ativar o melhor funcionamento do sangue na região diminuindo o edema. Para realizar a drenagem linfática e se beneficiar dos resultados procure massagear a região uma vez por dia, uma dica é realizar o procedimento antes de dormir.u003cbru003ePara realizar a massagem inicie como dedo anelar fazendo movimentos sutis, mas com pressão do canto interno da pálpebra superior ao externo. Após faça o mesmo na pálpebra inferior indo do interno ao canto externo.u003cbru003eRepita algumas vezes e finalize dando leves batidinhas na região com o dedo indicador e o dedo médio alternadamente. Ao finalizar feche os olhos com o dedo anelas e pressione o canal lacrimal por 10 segundos com um movimento circular pequeno.

Olheiras Antes e Depois

Veja a seguir o Antes e Depois de pacientes que realizaram tratamento de olheiras na Clínica de Pele:

Olheiras Preenchimento
Olheiras Escuras
Olheiras Tratamento

Depoimentos

Veja alguns depoimentos de pessoas que realizaram e aprovaram o tratamento de olheiras oferecido na Clínica de Pele no Rio de Janeiro:

As olheiras são um problema comum, mas que tem tratamento. Com a indicação terapêutica adequada é possível suavizar as manchas abaixo dos olhos e garantir uma melhor aparência a quem convive com este problema. Na Clinica de Pele, oferecemos tratamentos considerados padrão-ouro para olheiras. Entre em contato conosco e conheça mais sobre nossos tratamentos de olheiras.

whats
Fale conosco

Veja também os artigos mais recentes:

Dr. Ronaldo Szerman
CRM 5213366-9

Dr. Guilherme Szerman
CRM 5276961-4

Dr. Waldemar Szerman
CRM 5270032-0

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
×